Apresentação da Unidade


Frente as problemáticas encontradas em outras aplicações do tema de Evolução Biológicas para alunos do ensino médio, como a resistência para aceitar os conceitos científicos e as ideias evolutivas, foi desenvolvida esta Unidade Didádica onde demos um enfoque inicial aos principais conceitos científicos. Sendo assim, ao final desta unidade didática o aluno deverá ser capaz de pensar e refletir acerca dos fenômenos evolutivos sob um aspecto científico. Espera-se ainda que o mesmo tenha plena capacidade de elaborar explicações consistentes e fundamentadas para eventos evolutivos de implicações sociais. É muito importante a associação deste conteúdo às suas aplicações sociais para que o aluno tenha uma referência mais próxima de seu cotidiano e possa desenvolver uma analise científica pautada nos princípios da Evolução Biológica

Objetivo geral da Unidade

Dar suporte científico para que os alunos possam avaliar e entender os fenômenos da vida sob uma visão biológica evolucionista, buscando respeitar a diversidade de pensamento e suas convicções prévias.

Estrutura da Unidade Didática


A presente unidade didática tem um tempo estimado de aplicação de 5 aulas de 50 minutos mais uma aula para aplicação da avaliação. Esse tempo pode ser entendido para um melhor aproveitamento dos conteúdos e apra a implementação de ferramentas didáticas que reforcem o aprendizado dos alunos acerca dos fundamentos de evolução biológica. Não recomendamos um maior nível de condensação do conteúdo , uma vez que isso pode acarretar num ensino superficial e que não contemple todos os aspectos considerados por nós necessários.

Conteúdos

1 – Primeiro momento:


O primeiro momento da unidade didática é dedicado a explicitação acerca dos seguintes conteúdos: Distinção entre conhecimentos assistemáticos e sistemáticos; Introdução ao critério da falseabilidade e aos conceitos de Evolução Biológica; Implicações e aplicações sociais dos conceitos de Evolução Biológica

CLIQUE AQUI  PARA ACESSAR O ROTEIRO DA AULA

2 – Segundo momento:


O segundo momento da unidade didática é dedicado a explicitação acerca dos seguintes conteúdos: Introdução à Teoria da Evolução de Lamarck e do conceito de Seleção Natural; Teoria de Malthus; Experimento de Weismann; Fatores evolutivos associados a mudanças na composição das populações naturais.

CLIQUE AQUI  PARA ACESSAR O ROTEIRO DA AULA

3 – Terceiro momento: 


Estudos de caso: Superbactérias, Mimetismo, Resistência a herbicidas, camuflagem e anemia falsiforme.

CLIQUE AQUI  PARA ACESSAR O ROTEIRO DA AULA

4 – Quarto momento:


 

Aplicação da Unidade

Distribuição das turmas – A unidade foi aplicada por dois pibidianos (Andrey e Bruna) e as aulas foram divididas de tal forma que cada um lecionou parte do conteúdo uma vez por semana de forma alternada.

Horários e freqüência da aplicação – A preparação da Unidade Didática se deu num período aproximado de 2 meses, durante o qual diversas pesquisas foram feitas e diversos materiais didáticos ilustrativos e roteiros foram produzidos. No período da aplicação os bolsistas  assumiram a função de professores, acompanhados pelo supervisor.  A aplicação deu-se no horário normal de aula, de maneira que cada pibidiano, neste período, trabalhou o  horário normal do professor da disciplina. Dessa forma foi possível uma profunda imersão no dia a dia da sala de aula, na rotina escolar e na busca das soluções dos problemas que surgiam no decorrer do desenvolvimento da unidade, desde de questões de logística até dificuldades teóricas.

Infra-estrutura  –  A escola dispunha de uma sala de projeção e o PIBID biologia disponibilizou o equipamento de datashow, além de fazer financiar os gastos com xerox e impressão de roteiros e afins.

Avaliação da unidade

Avaliações continuadas

As avaliações foram realizadas ao longo da aplicação das aulas através da resolução de problemas, discussão de textos e observação da participação dos estudantes.